01 junho 2014

#2 Mangalist

 Yo minna san!! Olá, pessoal! Me atrasei na atualização do blog mas, foi por um motivo: meu TCS de Química. Como não terei provas e estarei de férias nessa semana a professora passou um Trabalho de Conclusão de Semestre - TCS e tenho que apresentar sexta-feira. Então, não terei mais tempo essa semana de postar. Gomen! Por isso, decidi fazer esse post rapidinho sobre mais uma Lista de mangás que li ou estou lendo no momento. Não sou otaku - conhecedora profunda da cultura oriental - como já esclareci em outros momentos, mas, curto demais ler mangás e assistir animes. No entanto, meu gosto por esse tipo de leitura/desenho é mais sobre a temática gótica ou sobrenatural. Assim, segue alguns mangás que curti ler ultimamente. Clica em "Leia mais" e confira minha 2ª mangalist.

Monochrome Factor


Akira Nikaido é um estudante de ensino médio que vive cabulando aula com seu amigo Kengo Asamura. E por isso, constantemente os dois são reclamados por sua colega de classe Aya Suzuno, que é uma espécie de monitora de disciplina do colégio. As vidas de Akira e de seus amigos mudam quando um homem estranho de cabelos longos e prateados, Shirogane,  diz para Akira que ele é a reencarnação de Ryuko - o Rei do Mundo da Luz - e que deve salvar o mundo dos humanos que está sendo invadido por Kokuchis(demônios que possuem pessoas) além de restaurar o equilíbrio entre os mundos da sombra e o da luz. E não podemos esquecer é claro, combater Homurabi que é o chefão do mal que governa o mundo das sombras. Coisa pouca pro coitado do Akira fazer, né? E para isso, Akira deve se tornar um "shin" - uma criatura das sombras. Então, quando Akira se torna um "shin"  muda a cor dos cabelos para cor preta e  olhos ficam vermelhos,  além de ganhar um par de adagas para lutar, que mais tarde  mudam para   lâminas mais poderosas. Tanto Kengo como Aya também recebem "habilidades" e armas quando se tornam shins. Kengo tem luvas de batalhaque aumentam sua força e Aya ganha armas de luta de Kendo  para usar  contra kokuchis. Há muitas batalhas no mangá com muito sangue e violência. O traço do anime é bem estiloso e por isso eu prefiro o mangá do que o anime. Já o anime é shonen ai e cheio de insinuações entre Shirogane e Akira (o que não tem no mangá)


Uraboku


Há centenas de anos atrás houve a batalha das batalhas entre os humanos e  os duras - demônios. E durante essa batalha um duras poderoso de olhos prateados, alto, cabelos negros e muito bonito - Luka Crosszeria -  se apaixona por uma guardiã humana com o poder da "Luz de Deus" chamada Yuki e é considerado um traidor dos demônios. No entanto, ela é do clã humano dos Giou - clã tocado por Deus e habilidoso no combate contra os duras-  e infelizmente morre enquanto Luka tem a imortalidade dos duras. Só que Yuki como os demais guerreiros Zweilt podem reencanar. Assim, a companheira de Luka reencarna várias vezes até reencarnar como homem, sendo isso para o clã Giou, um sinal de que a luta entre humanos e duras chegou ao fim. E assim, Yuki Sakurai , um rapaz tímido e com poderes que ele não entende é acompanhado em oculto ,desde seu nascimento, por Luka pois é destino dele  seguir a alma de sua companheira. Logo ele é salvo por Luka de um ataque de duras e depois descobre que é do clã Giou e que possui o poder da "Luz de Deus" sendo capaz de curar as feridas dos guerreiros Zweilt e aumentar seus poderes. Além disso pode projetar um escudo para  proteger todos que estão dentro dele de danos, porem deixando-se fraco e indefeso. Há outros personagens secundários como Takashiro Giou - chefe do clã Giou - que quer derrotar Kanata Wakamiya - amigo de infância de Yuki e reencarnação de Reiga que era meio-duras e que matou quase todos do clã Gion. Também há duplas de guerreiros Zweilt que lutam sempre juntos para terem seus poderes aumentados por seus companheiros. Eu os acho mais interessantes que os personagens principais.  Eles amam Yuki, consideram-no o seu "mestre" e sentem enorme aflição e culpa por fazerem-no sofrer durante as batalhas. Tanto o mangá quanto o anime é shoujo apesar de que Luka sente algumas vezes ciúmes de Yuki com os outros guerreiros Zweilt.

Nº 6

Num futuro indistinto a Terra está devastada. Mas, uma pequena parte da civilização humana vive em cidades utópicas. Uma dessas cidades é a Nº 6 onde mora um menino chamado Shion e sua mãe Karan. Por ser um garoto considerado gênio e obediente as regras da Nº 6, ele vive na parte mais rica da cidade. Até que um dia  Shion ajuda outro menino, Nezume (apelidado de Rato) um fugitivo e por ter feito isso é punido com sua mãe. Eles vão morar no subúrbio, Shion perde a bolsa de estudos para superdotados e consegue um emprego medíocre no controle de robôs catadores de lixo. Nesse emprego ele testemunha mortes inexplicáveis relacionadas às experiências com insetos. Assim, Shion termina sendo preso por suspeita de assassinato de um colega de trabalho e Nezume reaparece  salvando-o. Rato apresenta a Shion uma realidade diferente de Nº 6: milhares de pessoas vivem em condições precárias fora dos muros das cidades utópicas, na Zona Ocidental, e são caçadas pelo governo. Nezume pertencia a uma etnia humana especial que foi dizimada pelo governo de Nº6 e por isso ele jura vingança e quer destruir a cidade. No entanto, Shion não quer acreditar em Rato e sente muita falta da mãe e de sua melhor amiga Safu. Até que ele descobre que também foi feito cobaia de experimentos pela Nº 6. Dentro de seu corpo havia um inseto parasita e por isso estava matando-o. Nezume salva-o outra vez extraindo o parasita. Só que devido aos experimentos Shion agora ficou com cabelos brancos, olhos vermelhos e uma mancha vermelha que rodeia todo o seu corpo. Depois a isso, ele quer salvar Karan e Safu do mesmo destino ou pior e junto com Nezume e duas pessoas da Zona Ocidental que se tornam seus amigos: Rikiga e a Cuidadora de Cães, entram escondidos em Nº 6 para o resgate. Aí nessa operação de resgate vão acontecer fatos incríveis, mortes e o mistério das experiências vão ser revelados. Eu não resisti e assisti o anime antes de terminar de ler o mangá. Achei uma ótima novela de ficção científica cheia de tensões e mistérios. No final é surpreendente e horripilante mas, esperançoso. É shonen ai mas, mesmo pra quem não gosta é super fraco e só tem um pseudo beijo que não mata ninguém assistir.


Junjou Romantica

 Oh, como eu amo esse yaoi! 
Três histórias em tempos diferentes mas, de certa forma interligadas pelos personagens: Junjou Romantica, Junjou Egoista, Junjou Terrorista. Em Junjou Romantica o principal personagem é Misaki Takahashi um jovem universitário de 18 anos que para passar nos exames de admissão para sua universidade vai ter aulas particulares com Akihiko Usami o amigo de infância de seu irmão,  que é 10 anos mais velho que Misaki.  Escritor de livros premiados e de romance gays (yaoi) faz o que quer e ao se tornar tutor de Misaki  abusa do garoto. Daí começa o relacionamento entre eles o que vai render situações engraçadas enquanto Misaki tenta entender a sua relação com Usagi (apelido de Akihiko). Já em Junjou Egoista, que acontece 10 anos antes de Junjou Romantica, o casal é formado por Hiroki Kamijou(professor universitário de literatura japonesa) e Nowaki Kusama(universitário de medicina). Hiroki era apaixonado por Usagi mas, nunca foi amado pelo amigo e sofre por isso. Surge então Nowaki(que significa tufão) mais novo que Hiroki que fica apaixonado à primeira vista quando vê seu Hiro-San. Logo Nowaki parte para os Estados Unidos fazer um curso na área de medicina e retorna dois anos sem dar notícia ao seu amante. Daí vão tentar resolver os mal-entendidos e diminuir as diferenças de idade. Em Junjou Terrorista  o colegial Shinobu Takatsuki de 17 anos se apaixona por You Miyagi, seu ex-cunhado e um professor de Literatura para quem Hiroki Kamijou(junjou Egoista)trabalha. Os dois são muito diferentes mas, Shinobu acredita que eles foram feitos um para o outro é que Miyagi teria que ser responsável pelas consequências do amor não correspondido. Só que Miyagi nunca amou ninguém, nem a própria ex-esposa que é irmã de Shinobu. Como um terrorista, Shinobu vai destruir tudo o que Miyagi acreditava e vai mudar seu coração fazendo ele ter sentimentos nunca vividos. Esse foi meu 1º yaoi(há 3 anos atrás...) De cara eu não gostei devido ao ver o abuso de Misaki por Usagi mas, eu insisti na leitura pra ver o que ia dar mais na frente. E em pouco tempo estava rindo, chorando, escrevendo as frases mais lindas do mangá na minha agenda e começando a ser uma fujoshi, uma leitora de romances gays.

Bom, esses foram os  mangás que li ou continuo lendo. Eu já fiz minha #1 Mangalist aqui no blog. Pra quem achava que eu não gostava/conhecia do tema anime, mangá e outras coisas otakus(apesar de eu não me ver como tal...). Se quiser ver quais outros mangás que eu gosto confere nesse link { }. Em breve vou fazer um Animelist. Porém, prometo: começando minhas férias posto materiais novos e novos tutoriais! Ja ne!
 

6 comentários:

  1. Só conheço Junjou Romantica na sua mangalist, confesso que as outras eu não sabia que existia :v adorei a sua lista, até porquê ela é yaoi, e eu adoro yaoi \o/ acho muito fofo JR, adoro de mais o Misaki *-* ele é o meu preferido nesse anime. Gostei bastante da postagem.

    Beijos,
    Vanilla

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Yoo, Raah-Chan!
      Bate aqui colega ( ・∀・)人(・∀・) fujoshis sempre bem vindas por aqui
      Muié, entrei no teu blog achei que fosse de outra pessoa aí conferi se era mesmo rsrs o Layout tá diferente e bonito. Parabéns!
      kissus~♥

      Excluir
  2. Tomara que consiga terminar logo o seu TCS ;3
    Eu sou apaixonada por animes e mangás, ultimamente eu ando tão encucada com isso que não estou tendo tempo nem pra postar -vício- ~q Gostei muito da sua mangalist, o meu preferido é Uraboku >3<

    http://maiira-t.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Konnichiwa, Mily-Chan! Ah, eu já apresentei meu TCS mas, terei ainda 1 semana de provas. Entendo isso pq já virei madrugada assistindo anime hahaha Uraboku eu amei mas, meu preferido ainda é Junjou. Kissus

      Excluir
  3. Eu volteeeei, agora pra ficar... (mina do Fujoshi Nonsense atacando novamente, desculpa.)
    Bem, como uma fujoshi que procura de tudo que é gay nessa vida, conheço todos os animes da sua lista. Eu também adoro Monochrome Factor, mas como já faz alguns milênios que eu assisti, já esqueci do coitado. TwT Mas estou feliz que você o conheça, pensei que não existisse mais ser humano nesse mundo que lembrava desse anime! O meu preferido é Junjou!
    Enfim, boa sorte no seu TCS. xD

    ResponderExcluir
  4. Oh, sensei Yuda hahaha. Cara, adoro seu blog. Descobri e não largo porque aprendo mais sobre yaoi e outras "bagaceiras" desse mundo gay hahaha Nossa, imagino que vc conhece tudo mesmo de yaoi e eu só tô começando. Pois, é Monochrome Factor descobri por acaso assistindo anime no you tube e vi um fanart com a música do Henrique Iglesias rsrsrsrs me apaixonei pelo Shirogane . Aliás eu só tarada por personagem de cabelos compridos. Culpa da Ayano Yamane u.u Que bom que vc voltou! Kissus~♥

    ResponderExcluir